Ela é como o mar: Intensa, parece infinita

Ela é como o mar

 

Ela é como o mar: Pode ser calma, mas também traiçoeira. Você acha que ela está te expulsando da vida dela, quando na verdade ela está te puxando para dentro de si.

Ela é como o mar: Te encanta, te hipnotiza, dança sobre a luz do sol e brilha sobre a luz da lua. Até quem não sabe como nadar se apaixona ao ter contato com ela. Límpida, as vezes fria, as vezes calorosa, as vezes cheia de companhia, as vezes solitária. Mas linda, sempre, sempre linda.

Ela é como o mar: Cheia de vida e de coisas que não gostaria. Amada e maltratada pelos homens, ela luta para que não estraguem sua beleza. De ressaca fica incontrolável, deseja distância de tudo e de todos, mas há quem se aventure mesmo assim – e dizem que até de ressaca ela consegue ser incrível.

Ela é como o mar: Sabe como afundar a vida de quem não a respeita, mas é um amor com quem sabe como tratá-la. Arrasa em qualquer lugar e é desejada onde não pode estar.

Ela é como o mar: Agitada, cheia de surpresas e dona de um temperamento que muda conforme o clima. Ela tem um efeito calmante sobre todos e  uma facilidade enorme em fazer as pessoas se apaixonarem. Ela é tão incrível que quem a conhece não deseja se despedir.

Ela é como mar: Tem uma beleza natural, beira o irreal. É fácil de amar, de querer cuidar e de querer sempre por perto. É cheia de histórias e mitos, cheia de amores e amigos, cheia de vida para dar e vender.

Ela é como o mar: Perfeita, mesmo com as imperfeições. Deslumbrante, mesmo nos seus piores dias. É intensa, parece infinita. Ela acalma a alma, a mente, o coração. Ela desperta amor, carinho e emoção.

Ela é como o mar: Soube me dominar. Ah, que sortudo eu sou, em poder amar alguém tão incrível assim.

 

Comentários

Deixe uma resposta