Bola em Jogo

O futebol é sentimento

O futebol não é apenas um meio de mover massa e de vender camisas. Não é só publicidade, direitos de imagem ou premiações. Não é apenas aclamar  ídolo, comemorar gol e presenciar vitórias ou derrotas.

O futebol é sentimento.

É emoção, medo, esperança, angústia, felicidade, tristeza,  ansiedade, fúria, e, principalmente: amor. Um dos amores mais sinceros que existe.

Ser torcedor é difícil às vezes. Você apanha, é humilhado, chora, sente dor… Mas no fim, mesmo estando machucado e sem forças, promete que estará junto ao clube em qualquer situação.

Os torcedores confiam até na pior situação. Eles são irracionais, doentes – ou fanáticos, como a maioria os chamam. Para eles sempre existe uma luz no fim do túnel e nunca há tempo ruim. Quanto mais o time o faz sofrer, mais ele ama. Quando o time comete erros atrás de erros, ele cobra e pede explicações, porém não possui forças pra terminar tudo.

Um torcedor tem pelo seu clube devoção, paixão, carinho, confiança, fidelidade. Ele protege e ataca. Ele ama e odeia. 

Sabe aquele lance de  “Na alegria e na tristeza, na saúde e da doença, até que a morte nos separe” que as pessoas costumam dizer ao se casar? Faz mais sentido quando dito de um torcedor para um clube. Por quê? Simples, casais se divorciam.  Agora o torcedor? não, para o fanático não existe divórcio.  Mesmo se o time estiver na pior, ele dirá que é só uma fase que vai passar – e mesmo que não passe, eles ainda estarão juntos no final.

Torcedor quando diz que vai amar para sempre, meus caros, é a mais pura verdade. É um amor forte, puro, incontrolável. Um amor que cresce mais a cada dia. É um amor movido pela esperança, pelo medo, pela fé, pelo carinho, pela vitória. Pelo “vamos ver no que vai dar” e pelo “eu acredito”. É pelo “é campeão” ou pelo “time sem vergonha”Não é por jogador A ou por jogador B. É por uma história, por uma instituição.

É diferente e inexplicável, forte e indestrutível.  É amor e ódio. Eterno.  É capaz de salvar dias e anos – ou até de destruí-los. O futebol é um amor sincero e incondicional que só quem sente entende e não há como apagar ou diminuir esse sentimento.

É lindo de se ver – e de sentir.

Comentários